Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Luiz Mott LGBT declara apoio a Marina

Bomba! Pai do movimento homossexual do Brasil pede para militantes gays votarem em Marina Silva
Comentário de Julio Severo: O texto de Luiz Mott, postado por ele publicamente em seu Facebook, é tão claro em sua intenção de derrubar o que ele chama de “Dilmofóbica” que dispensa qualquer comentário adicional. Mas muitos evangélicos seguem cegamente as “recomendações” políticas de seus líderes, que por alguma razão estranha estão apoiando Marina sob efeito de um messianismo que nunca vi antes. O que é lamentável nesse episódio é que Marina em cima do muro é tão ambígua que até Mott entende que a ausência de posturas sólidas dela contra a agenda gay é prenúncio de futuras concessões. Provavelmente, Mott sabe o que todo líder pró-vida sério já sabe: embora Marina tenha 17 anos de evangélica, todos esses anos de atuação política não têm nenhum histórico de militância ou mesmo oposição à agenda gay. E ativismo político, especialmente defesa de plantas e animais, é com Marina mesmo. Mas defesa da família contra a agenda gay nunca foi seu forte. Pena que líderes evangélicos, que se acham detentores de visões mais acuradas do que os habitantes das trevas do homossexualismo, estejam sendo incapazes de enxergar o óbvio. Ao menos nisso, Mott está menos cego do que eles. Enquanto o PT estará dando todo apoio a Dilma, outros socialistas, junto com Mott e suas hostes gays, estarão apoiando Marina. Mas eu não cairei, nem induzirei outros, no erro de escolher uma dessas duas ou o candidato do PSDB que aprova o “casamento” homossexual. Eis agora, na íntegra (com todos os erros originais de português), o texto de Mott, com destaque para as palavras em negrito:
DERRUBAR DILMOFÓBICA É A PRIORIDADE DOS LGBT!
http://juliosevero.blogspot.com.br/2014/09/bomba-pai-do-movimento-homossexual-do.html



Nenhum comentário: