Ocorreu um erro neste gadget

quinta-feira, 6 de junho de 2013

mensagem 310513 - grito silencioso

mãe...
o que é ser mãe?
como tudo se forma?
muito difícil responder a essas perguntas.
mãe é condição, mãe é ser e estar na condição de responsável por uma vida.
ser mãe é também abdicar de muitas coisas em função de algo maior que se forma nas entranhas da mulher.
maior porque transcende a tudo o que a mulher pode imaginar daquilo que ela gera.
toda uma história que será contada por outras bocas, em outros caminhos que nunca sequer foram sonhados pela pessoa que gesta.
o grito silencioso é forte, sim, tão forte quanto um murro na boca do estômago.
penso que devemos divulgar este vídeo até o último instante de nossas vidas, por trazer algumas informações que fogem aos conceitos usuais do que seja a medicina e o uso dessa mesma medicina no "trabalho" criminoso do aborto.
não creio que algum sêr, que não esteja privado do poder de discernir entre o certo e o ao menos duvidoso, onde pulse a vida, permanece inalterado seu conceito de vida ante a visão do que se descreve neste vídeo.
e creio firmemente que uma gestante, seja ela quem for, assistindo a este documentário, também terá uma visão distinta do papel que lhe cabe na condução dessa gestação.
à sociedade cabe a defesa daquilo que é seu dever:

"III - a dignidade da pessoa humana;" (art. 1º parágrafo III)

"IV - promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação." (art. 3º parágrafo IV)

"II - prevalência dos direitos humanos;" (art. 4º parágrafo II)

"Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a
inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:
I - homens e mulheres são iguais em direitos e obrigações, nos termos desta Constituição;
II - ninguém será obrigado a fazer ou deixar de fazer alguma coisa senão em virtude de lei;
III - ninguém será submetido a tortura nem a tratamento desumano ou degradante;"

creio que apenas esses poucos ítens de nossa carta magna, já deixa bem claro qual é a função do estado no que tange ao ser humano em si.
e levando-se em conta que ao ser humano lhe é facultada a atenção aos princípios contidos na constituição, sendo vedada a discriminação de qualquer espécie e levando-se em conta de que, todos são iguais perante a lei, notamos o relaxo com que os representantes atendem aos interesses da classe mais importante da nação, que é justamente a que não pode se manifestar em defesa própria e que portanto quase não encontra vozes à sua disposição.
não encontra vozes, porque não pode pagar advogados.

aproveito para dizer que o objetivo deste canal é: apenas divulgar e difundir o conhecimento.
deixando claro, que não temos quaisquer interesses financeiros com este trabalho.
entendemos ser necessário divulgar tudo aquilo que é de interesse público e que pode servir para a melhoria do sêr humano. - (ely silmar vidal - skype: siscompar - fones: (tim) 041-41-9820-9599 - (claro) 41-9821-2381 - (vivo) 41-9109-8374 - mensagem 310513 - grito silencioso)

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se esta mensagem te foi útil, e achas que poderá ser útil a mais alguém, ajude-nos:

(ficaremos muito gratos que, ao replicar o e-mail, seja preservada a fonte)

"Esse vídeo é antigo, mas é um ótimo vídeo já feito sobre o aborto, porque mostra o que o aborto realmente é. O Dr. Bernard Nathanson foi um dos pioneiros em aborto nos EUA, até que surgiu a tecnologia de ultrassonografia e ele viu que matava bebês. Arrependeu-se profundamente de fazer abortos, fechou suas clínicas de aborto e se tornou um dos maiores defensores da vida no mundo, até o final de sua vida."

http://www.youtube.com/watch?v=Hwbes4N8QeY



Nenhum comentário: