Ocorreu um erro neste gadget

segunda-feira, 20 de maio de 2013

mensagem 140413 - irreverencia ou covardia

"Na primeira noite, eles se aproximam e roubam uma flor do nosso
jardim.

E não dizemos nada.

Na segunda noite, já não se escondem, pisam as flores, matam nosso
cão.

E não dizemos nada.

Até que um dia, o mais frágil deles, entra sozinho em nossa casa,
rouba-nos a luz, e, conhecendo nosso medo, arranca-nos a voz da
garganta.

E porque não dissemos nada, já não podemos dizer nada." - (Poema de
autoria de Eduardo Alves da Costa, 1935, No caminho com Maiakóvski)

irreverência?

não, depravação mesmo, covardia até.

e além da depravação é claro que houve, inequívocamente, um ato
de covarde agressão física.

isso foi o que fez o gerald thomas ao fazer o que ele diz: "Meti a
mão na menina.".

e, pelo visto, isso é o que encanta as cabecinhas iluminadas de
fernanda torres e fernanda montenegro.

primeiro devemos repudiar não somente o ato, mas os "conceitos" que
levam o sêr gerald a fazer isso.

ele tem que respeitar as pessoas independentemente de como se vistam
ou como se comportem, uma vez que ele é, "infelizmente", formador de
opinião.

essa sim, foi uma atitude preconceituosa, de alguém que não saberia
como sair das brincadeiras da turma do pânico, portanto toma uma
atitude contra a nicole bahls.

ora, gerald, macho do jeito que você é, creio que não teria
qualquer problema em dar uns tapas na cara dos seguranças do produtor
do programa.

afinal de contas, vamos e venhamos, a nicole estava ali para ganhar (o
que para você são míseros trocados) o dinheirinho dela.

imagino como você trataria uma prostituta. creio que na tua opinião,
- "Vem uma menina, de (praticamente) bunda de fora, salto alto de
'fuck me', seios a mostra, dentro de um contexto chamado PANICO e eu
(que não deixo me intimidar e gosto desse pessoal) entro no jogo e
viro as cartas – e os intimido! (que nada! Brincadeira também!)". -
a prostituta então seria queimada viva.

mas não fico assombrado vendo isso não, gerald, imagino que se fosse
o netinho (lembra dele? aquele que deu um murro na cara do vesgo) na
tua frente você, literalmente, o estuprava... estou errado?

creio que, pela performance do ex-genro da fernanda montenegro,
passamos a entender melhor porque a fernanda (83 anos) resolveu
demonstrar ser contrária ao deputado marco feliciano com um beijo
"homoafetivo" na atriz camila amado (77 anos).

mediante esses dois acontecimentos, e a proximidade familiar e social
dos protagonistas, notamos a deterioração intelectual que reside
nessas massas cinzentas.

eu não creio que o gerald tenha lá tão grandes condições de ser
milímetros distante dessa leviandade com que se apresenta em vários
momentos (em uma entrevista, convida a entrevistadora para ir a um
motel; ao ter o convite recusado, ele tira a roupa e fica brincando
com seu membro durante a entrevista. existem outros casos, mas esse
basta para ilustrar a profundidade moral e intelectual do indivíduo);
isto posto, notamos que argumento não é lá a sua ferramenta de
vida.

já quanto à grande dama do teatro, quero crer que tenha se deixado
levar, talvez pela senilidade que se avizinha, assim como pelo contato
tão pessoal e até afetivo que deve existir entre ela e o dito cujo
acima descrito.

imagino ele tratando a fernanda torres em momentos familiares dessa
forma tão doce e cativante quanto ele tratou a nicole, e imagino a
fernanda (mãe) aplaudindo a irreverência do "diretor". - (ely silmar
vidal - skype: siscompar - fones: (tim) 041-41-9820-9599 - (claro)
41-9821-2381 - (vivo) 41-9109-8374 - mensagem 140413 - irreverência
ou covardia)

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos
iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso
contamos contigo.

Se esta mensagem te foi útil, e achas que poderá ser útil a mais
alguém, ajude-nos:

(ficaremos muito gratos que, ao replicar o e-mail, seja preservada a
fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.elyvidal.com.br

Nenhum comentário: